fbpx

Parte da sobrevivência de muitas empresas tem a ver com as transações comerciais internacionais e o mercado de câmbio é um ambiente para a maior parte dos investidores.

As dúvidas costumam ser inúmeras quando o assunto é Mercado de Câmbio, elas variam desde entender os termos usados nas transações cambiais até entender quais são os agentes desse tipo de processo.

Você também tem essas dúvidas? Ao longo do texto vamos conhecer os termos utilizados nesse mercado, vamos entender o que é e os agentes que atuam nesse tipo de negócio.

 

O que é Mercado de Câmbio?

Antes de entender o que é Mercado de Câmbio é importante entender o que é Câmbio.

O Câmbio é um elemento do sistema monetário e acontece quando fazemos a troca de uma moeda de um país para outro, por exemplo, trocar reais por dólares, familiar não?

O preço de uma moeda em relação a outra costuma ser diferente, ou seja, a moeda tem um valor e se torna de certa forma uma mercadoria. Se você já fez esse tipo de transação, pagou uma taxa, chamada taxa de câmbio. Eis o Mercado de Câmbio!

O Mercado de Câmbio também é chamado de Mercado de Divisas e é um ambiente abstrato onde ocorre esse tipo de transação, sejam pequenas ou grandes, ou seja, para que você possa importar a sua negociação irá automaticamente cair no mercado de câmbio.

 

Mercado de Câmbio: Como funciona?

Esse amplo mercado tem diversos agentes atuantes, os que desejam comprar a moeda estrangeira, os que desejam vender e os intermediários que irão realizar a transação. Vamos entender!

Os principais agentes do Mercado de Câmbio são:

  • Bancos Centrais
  • Corporações internacionais (empresas multinacionais)
  • Instituições financeiras não bancárias (exemplo: fundos de pensão e corretora)
  • Bancos Comerciais

 

Agentes Compradores: possuem R$ e precisam transformar em US$

  • Importadores
  • Turistas Nacionais
  • Empresas de turismo e navegação (comerciantes de serviços)
  • Investidores estrangeiros
  • Devedores de empréstimos

 

Agentes Vendedores: possuem US$ e precisam transformar em R$

  • Exportadores
  • Turistas estrangeiros
  • Empresas de turismo e navegação
  • Investidores estrangeiros
  • Tomadores de empréstimos

 

 

As principais moedas no mercado de câmbio

Existem moedas conversíveis e inconversíveis: No mercado de câmbio as moedas conversíveis são as que podem ser trocadas por moedas de outros países e as inconversíveis não são aceitas fora do país de origem.

As principais moedas conversíveis são:

Dólar americano – USD

Dólar canadense – CAD

Dólar australiano – AUD

Coroa norueguesa – NOK

Iene japonês – JPY

Franco suíço – CHF

Coroa dinamarquesa – DKK

Coroa sueca – SEK

Libra esterlina – GBP

Euro – EUR

 

O Real não é uma moeda conversível, as hipóteses são que as outras nações não têm confiança na estabilidade da economia brasileira e que o Real é uma moeda nova.

As transações brasileiras feitas com moeda estrangeira são todas registrada no Banco Central.

Os principais agentes que são os Bancos Comerciais transferem poder de compra para outros países. Um banco que tenha alguma moeda estrangeira em excesso vende a outro banco que necessita da moeda.

O movimento contábil representa a maior parte das transações no mercado de câmbio, isto é, o importador brasileiro faz a sua comprar no exterior e sua conta é debitada em reais aqui e o exportador recebe na conta dele o valor em dólares.